sábado, 29 de dezembro de 2012







 


Andando estou com os pés no chão,
ora sinto que vôo e a garganta aperta
sinto o gosto do choro,
As lágrimas teimam sempre em cair,
O tempo passa e tudo se resume em história,
passado...As lembranças são minha esperança,
o que de mais belo eu vivi,
Vida,vida,vida,vida,vida,vida,vida,vida,vida,
Vida,vida,vida.
Intensa ou não,
fria,inconsante,vacilante.