sábado, 28 de janeiro de 2012

OH Luz como és bela
 E encantadora
Iluminando a escuridão
Do nosso mundo

Lindo quando vens correndo
Ao encontro da noite
E tocas a tua face
Dissipando o que era escuridão

Trevas e luz dão se as mãos
Penetrando uma a outra
Quão humilde a noite

Que dá espaço a luz permitindo
Que se revele o que antes estava
Oculto na imensa escuridão

Revelando seus segredos mais escondidos
Sua beleza encantadora
Só a luz pode revelar  o que 

antes a escuridão não
Permitia revelar


Nenhum comentário:

Postar um comentário